Hospitais adquiriram mais de 130 mil “pílulas abortivas” em 10 anos

14 Jul 2017

Os hospitais portugueses autorizados para a realização de abortos adquiriram nos últimos 10 anos 134.564 comprimidos de mifepristona, conhecida como “pílula abortiva”, desde que a interrupção da gravidez até às 10 semanas foi despenalizada.

Por favor faça login ou registe-se para aceder a este conteúdo