Ordem dos Médicos pede “serenidade e ação” no setor da saúde

18 Set 2017

A Ordem dos Médicos (OM) considerou hoje que o setor da saúde vive um “momento especialmente complexo” que exige “serenidade e ação” e apelou ao Ministério da Saúde que reconheça o valor dos profissionais.

Por favor faça login ou registe-se para aceder a este conteúdo