Linhagem BA.2 da variante Ómicron pode tornar-se dominante em Portugal e razão de preocupação

02 Mar 2022

O investigador João Paulo Gomes, do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA) é da opinião que a Organização Mundial de Saúde (OMS) deveria classificar a linhagem BA.2 da variante Ómicron do SARS-Cov-2 como preocupante, considerando o investigador que esta pode já ser dominante em Portugal.

Por favor faça login ou registe-se para aceder a este conteúdo