BE questiona Governo sobre falta de oftalmologista nas Urgências de Santarém
DATA
09/02/2016 14:00:23
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS



BE questiona Governo sobre falta de oftalmologista nas Urgências de Santarém

Oftalmologia
O Bloco de Esquerda quer saber por que razão não estava nenhum oftalmologista de serviço na Urgência do Hospital de Santarém no passado dia 29 de dezembro, o que, afirma, terá originado perda de visão num olho a um doente.

Numa pergunta entregue no parlamento, os deputados Moisés Ferreira e Carlos Matias afirmam que o doente foi assistido por um médico de outra especialidade, tendo, na sequência do agravamento do seu estado de saúde, regressado mais tarde às Urgências, de onde foi então transferido para o Hospital de S. José, em Lisboa, tendo ficado com uma perda de visão de 90% na vista afetada.

Os deputados bloquistas perguntam ao Ministério da Saúde por que “motivo(s) não havia oftalmologista na urgência do Hospital de Santarém no dia 29 de dezembro de 2015, uma terça-feira”, se esta é uma situação frequente, quantos oftalmologistas existem neste hospital e que procedimentos são adotados quando não há nenhum nas Urgências e se vai ser aberto um processo de averiguações.

Por favor faça login ou registe-se para aceder a este conteúdo

Sejam Felizes
Editorial | António Luz Pereira, vice-presidente da APMGF
Sejam Felizes

O início de cada ano é também o início do percurso de milhares de novos médicos. A todos, mas especialmente aqueles que como nós escolheram como futuro ser Médico de Família, queremos receber-vos com um desejo e um desafio. Que sejam felizes e façam com que aqueles que se cruzam convosco sejam felizes. Desejamos profundamente que este internato de formação específica em MGF seja um caminho de felicidade. Que se sintam totalmente realizados por terem escolhido a melhor especialidade do mundo. Que sejam felizes no internato, para que possam ser ainda mais felizes fora dele.

Mais lidas