Presidente do Instituto do Sangue pede demissão
DATA
22/09/2016 10:51:39
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS




Presidente do Instituto do Sangue pede demissão

Hélder Trindade

O Presidente do Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST), Hélder Trindade, pediu a demissão ao Ministro da Saúde alegando “razões pessoais”, noticiam hoje vários órgãos de comunicação social.

A demissão do especialista na área de Transplantação, que havia assumido o cargo em 2011, foi confirmada hoje à Agência Lusa pelo Ministério da Saúde, segundo o qual Hélder Trindade terá invocado "motivos pessoais".

O pedido de demissão ocorre poucos dias depois de a Direção-Geral da Saúde (DGS) ter divulgado uma norma de orientação clínica no sentido de permitir a dádiva de sangue por parte de homossexuais e bissexuais, embora condicionada a um período de abstinência de um ano.

Recorde-se que Hélder Trindade já tinha sido contestado pelo Bloco de Esquerda em 2015, por este ter afirmado que só admitia dadores homossexuais que fossem abstinentes.

DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Editorial | Rui Nogueira, Médico de Família e presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
DESconfinar sem DISconfinar: Um desafio para inovar e aproveitar a oportunidade
Depois de três meses de confinamento é necessário aceitarmos a prudência de DES”confinar sem DISconfinar. Não vamos querer “morrer na praia”! As aprendizagens da pandemia Covid-19 são uma ótima oportunidade para acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência e o estado de calamidade ensinaram-nos muito! É necessário desconfinar o centro de saúde com uma nova visão e reinventar o conceito com unidades de saúde aprendentes e inovadoras.

Mais lidas