Cerca de 30 médicos, a maioria internos de medicina geral e familiar, aderiram este ano à Rede de Médicos Sentinela, que conta já com 130 clínicos de todo o país, alguns dos quais desde a sua formação em 1989.

Coordenada pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), a rede é um sistema de informação em saúde e uma rede de investigação formada por médicos especialistas e internos de medicina geral e familiar que tem como principal objetivo estimar taxas de incidência de algumas doenças ou eventos com importância para a saúde pública, contribuindo para a sua vigilância epidemiológica.

A Rede Médicos Sentinela reúne anualmente para apresentação de resultados do ano em curso e preparação do trabalho para o ano seguinte.

Published in Mundo
A "hiperventilação" dos Cuidados de Saúde Primários
Editorial | Joana Romeira Torres
A "hiperventilação" dos Cuidados de Saúde Primários
A Organização Mundial de Saúde alude que os Cuidados de Saúde Primários (CSP) são cruciais para a obtenção de promoção da saúde a nível global. Neste sentido, a Organização Mundial dos Médicos de Família (WONCA) tem estabelecido estratégias que têm permitido marcar posição dos mesmos na comunidade médica geral.

Mais lidas