Displaying items by tag: Lúcio Meneses de Almeida

Leia a crónica de Lúcio Meneses de Almeida, médico Assistente Graduado de Saúde Pública e presidente do Conselho Nacional de Ecologia e Promoção da Saúde da Ordem dos Médicos, acerca Do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e das perspetivas para este Novo Ano que agora iniciamos. Saiba mais na próxima edição, edição 138, do Jornal Médico. 

Published in Opinião

Leia a crónica de Lúcio Meneses de Almeida, médico Assistente Graduado de Saúde Pública e presidente do Conselho Nacional de Ecologia e Promoção da Saúde da Ordem dos Médicos, acerca da Saúde nas suas diversas dimensões. Saiba mais na edição 136 do Jornal Médico. 

Published in Atualidade
sexta-feira, 21 janeiro 2022 14:33

Reflexões em contexto eleitoral

À data em que esta crónica for publicada, estaremos no ano de 2022. Um ano novo, que se espera inaugure uma era de esperança para a Humanidade, volvidos quase 2 anos de uma epidemia que ainda afeta os habitantes da nossa aldeia global.

Published in Opinião
“Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, Muda-se o ser, muda-se a confiança: Todo o mundo é composto de mudança, Tomando sempre novas qualidades. Continuamente vemos novidades, Diferentes em tudo da esperança: Do mal ficam as mágoas na lembrança, E do bem (se algum houve) as saudades.” Luís de Camões
Published in Opinião
A 11 de março foi declarada, pela OMS, a segunda pandemia do século. Decorrido cerca de um semestre, é o momento para refletir sobre o passado, pois o presente dele decorre e o futuro nele se alicerça. Futuro que contemplará, a curto prazo, dois acontecimentos críticos em saúde pública: a epidemia sazonal de gripe e o início do ano letivo.
Published in Opinião

A comunicação do risco é da maior relevância para a prática da Saúde Pública. A veiculação de comportamentos e atitudes redutores do risco, em especial em contexto de epidemias por doenças de transmissão interpessoal, não só contribui para a sua gestão apropriada, como controla a sobrestimação do risco classicamente associada a este tipo de fenómenos.

Published in Opinião

O processo nacional de planeamento para a pandemia de gripe que sobreveio em 2009 foi iniciado, em 2005-2006, em contexto pós-crise da epidemia de SARS de 2002-2003 (“pneumonia atípica”) e de crise pela gripe A(H5N1) ou “gripe aviária”. Implicou a recolha da evidência disponível e teve, nos relatos históricos da gripe pandémica de 1918, o referencial para o pior cenário (worst case).

Published in Opinião
É urgente desburocratizar os Cuidados de Saúde Primários
Editorial | Jornal Médico
É urgente desburocratizar os Cuidados de Saúde Primários

Neste momento os CSP encontram-se sobrecarregados de processos burocráticos inúteis, duplicados, desnecessários, que comprometem a relação médico-doente e que retiram tempo para a atividade assistencial.