Na Medicina Geral e Familiar é característica uma abordagem centrada na pessoa, orientada para o indivíduo, a sua família e a comunidade em que se insere. São prestados cuidados de forma personalizada, uma vez que, o que é apropriado para uma pessoa não o será para outra, e a saúde é determinada por fatores individuais mas também pelo contexto e ambiente em que cada um se insere. Por esse motivo, é fundamental o Médico de Família ter presente quais os determinantes sociais que podem influenciar a saúde de cada pessoa. 

Published in Opinião
Deixar cair com violência o que é desnecessário e aproveitar a oportunidade
Editorial | Rui Nogueira, presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar
Deixar cair com violência o que é desnecessário e aproveitar a oportunidade

Assaltar o desnecessário. Rasgar a burocracia. Rejeitar o desperdício. Anular a perda de tempo. As aprendizagens da pandemia serão uma ótima oportunidade para acertar procedimentos e aperfeiçoar métodos de trabalho. O estado de emergência e o estado de calamidade ensinaram-nos muito! É necessário desconfinar o centro de saúde e reinventar o conceito com unidades de saúde aprendentes e inovadoras.

Mais lidas