Displaying items by tag: Miguel Guimarães

A Ordem dos Médicos (OM) alertou, hoje, o Governo para o possível colapso das Urgências, caso os médicos com mais de 50 anos deixassem de fazer urgência, como prevê a lei.

Published in Atualidade

O Jornal Médico esteve presente no Ciclo de Debates, que decorreu na sede da Ordem dos Médicos (OM), em Lisboa. O debate, moderado por André Macedo, ficou marcado pela discussão de alguns aspetos da nova Lei de Bases da Saúde. Miguel Guimarães, integrou o painel de oradores, levantando várias questões acerca da atual situação do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Published in Atualidade

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM) exigiu, hoje, que o ministro da Saúde fizesse um pedido de desculpa aos profissionais da Urgência do Hospital de São José, Lisboa, que pediram a demissão, garantindo que a carta foi assinada por 16 chefes de serviço.

Published in Atualidade

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM) visita já amanhã o Hospital de São José, em Lisboa, para averiguar as condições do serviço de Urgência.

Published in Atualidade

O secretário regional da Saúde da Madeira, Pedro Ramos, disse hoje que o bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, desconhece a realidade do setor no arquipélago, nomeadamente no que diz respeito aos horários das 35 horas semanais.

Published in Atualidade

A Conta Satélite da Saúde divulgada, hoje, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) revela que a despesa com Saúde aumentou 3% em 2017, equivalente a 17,3 mil milhões de euros, o que representa uma redução face aos dois anos anteriores.

Published in Atualidade

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, considerou que “a Saúde” foi a “grande vencedora” da votação, no parlamento, que chumbou a eutanásia.

Published in Atualidade

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM) recusa-se a alterar o código deontológico caso a despenalização da eutanásia seja aprovada.

Published in Atualidade
Pág. 8 de 21
Crónicas de uma pandemia anunciada
Editorial | Jornal Médico
Crónicas de uma pandemia anunciada

Era 11 de março de 2020, quando a Organização Mundial de Saúde declarou o estado de Pandemia por COVID-19 e a organização dos serviços saúde, como conhecíamos até então, mudou. Reorganizaram-se serviços, redefiniram-se prioridades, com um fim comum: combater o SARS-CoV-2 e evitar o colapso do Serviço Nacional de Saúde, que, sem pandemia, já vivia em constante sobrecarga.

Mais lidas