×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 34880

No decorrer do I Congresso Recovery Portugal, hoje em Barcelos, a presidente da Federação Mundial para a Saúde Mental, Ingrid Daniels, apela a todos os países para investirem mais na saúde mental.

Published in Atualidade

O novo programa “Espaço para a Saúde Mental”, hoje apresentado pelo diretor regional da Saúde dos Açores, aposta em ações que vão desde a prevenção à reinserção, descentralizando os cuidados de saúde mental.

Published in Atualidade

Através de uma colaboração entre os Cuidados de Saúde Primários da Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve e o departamento de Psiquiatria do Centro Hospitalar Universitário do Algarve, os adultos do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) deBarlavento vêem agora o acesso a consultas de Saúde Mental facilitado. A ação teve início em agosto de 2018.

Published in Atualidade

O Encontro Nacional da Sociedade Portuguesa de Psiquiatria e Saúde Mental (SPPSM), que decorre entre 7 e 9 de fevereiro, no Hotel Vila Galé Coimbra, irá dedicar-se ao tema “O corpo, a pessoa e cérebro: dualidades e reducionismos”.

Published in Atualidade

O Conselho Nacional de Saúde (CNS) apontou vários problemas ao nível da oferta de cuidados de saúde mental dirigida a crianças e adolescentes portugueses, classificando-a como “muito deficiente”.

Published in Atualidade

Portugal gastou, em 2015, cerca de 6,6 mil milhões de euros com problemas de saúde mental, o que representa 3,7% do Produto Interno Bruto (PIB).

Published in Atualidade

Mais de metade dos alunos do ensino superior conhece alguém a quem foi diagnosticada uma doença mental enquanto estudava, revela o inquérito “Estigma em Saúde Mental”.

Published in Atualidade

A 9.ª edição dos “AUA! – Angeline University Award” decorre já esta quarta-feira, dia 24 de outubro, entre as 10:00 e as 18:15, no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa.

Published in Atualidade
Pág. 3 de 6
A mudança necessária
Editorial | Jornal Médico
A mudança necessária

Os últimos meses foram vividos por todos nós num contexto absolutamente anormal e inusitado.

Atravessamos tempos difíceis, onde a nossa resistência é colocada à prova em cada dia, realidade que é ainda mais vincada no caso dos médicos e restantes profissionais de saúde. Neste âmbito, os médicos de família merecem certamente uma palavra de especial apreço e reconhecimento, dado o papel absolutamente preponderante que têm vindo a desempenhar no combate à pandemia Covid-19: a esmagadora maioria dos doentes e casos suspeitos está connosco e é seguida por nós.

Mais lidas