Displaying items by tag: XIX Congresso Nacional de Dermatologia e Venereologia

Será apresentado no XIX Congresso Nacional de Dermatologia e Venereologia um póstere de Katarina Kieselová, T. Gomes, F. Santiago e M. Henrique do Serviço de Dermatologia do Centro Hospitalar de Leiria sobre a dermatite periorificial em idade pediátrica, tendo em conta o papel da corticoterapia inalada.

Published in Terapêutica

Começa hoje, no Sheraton Porto Hotel, o primeiro de três dias do XIX Congresso Nacional de Dermatologia e Venereologia. O Jornal Médico marca presença, depois da Reunião da Primavera 2019, que se realizou em maio.

Published in Atualidade

O vice-presidente da SPDV, António Massa, perspetiva três dias "intensos" de trabalhos no Porto, onde são esperados mais de 270 congressistas. Recentemente chegado de Angola, o responsável falou ao Jornal do Congresso sobre os projetos desenvolvidos pela SPDV nos PALOP, numa ótica de intercâmbio que configura mais-valias tanto para os dermatologistas africanos, como para os portugueses.

Published in Atualidade

Arrancou hoje, no Porto, o XIX Congresso Nacional de Dermatologia e Venereologia, que conta com um programa “rico, diversificado e de elevada qualidade”, nas palavras do presidente da Sociedade Portuguesa de Dermatologia e Venereologia (SPDV), Miguel Peres Correia. Com um número de inscritos absolutamente recorde, pretende-se que o evento seja, como já é tradição, “o grande momento da especialidade em português”.

Published in Atualidade
Pág. 3 de 3
Urgências no SNS – só empurrar o problema não o resolve
Editorial | Gil Correia
Urgências no SNS – só empurrar o problema não o resolve

É quase esquizofrénico no mesmo mês em que se discute a carência de Médicos de Família no SNS empurrar, por decreto, os doentes que recorrem aos Serviços de Urgência (SU) hospitalares para os Centros de Saúde. A resolução do problema das urgências em Portugal passa necessariamente pelo repensar do sistema, do acesso e de formas inteligentes e eficientes de garantir os cuidados na medida e tempo de quem deles necessita. Os Cuidados de Saúde Primários têm aqui, naturalmente, um papel fundamental.