GSK: Bexsero ganha estatuto de Breakthrough Therapy
DATA
14/02/2018 18:18:15
AUTOR
Jornal Médico
ETIQUETAS

GSK: Bexsero ganha estatuto de Breakthrough Therapy

A FDA atribuiu a designação Breakthrough Therapy à vacina da GSK – Bexsero – para a prevenção da doença meningócocica invasiva (DMI) causada pelo serogrupo B em crianças dos dois aos 10 anos de idade.

De acordo com o comunicado enviado às redações, é a primeira vez que uma vacina recebe esta designação por duas vezes.

“Esta designação realça a importância de enfrentar grandes desafios científicos, como a meningite B, e abrir novos caminhos na prevenção de doenças através de abordagens inovadoras, como a vacinologia reversa”, afirmou o cientista-chefe da GSK Vaccines, Rino Rappuoli.

“A GSK está comprometida com o desenvolvimento de vacinas inovadoras que ajudem a proteger contra doenças graves e cuja necessidade de prevenção é significativa”, acrescentou.

A designação de Breakthrough Therapy é atribuída a medicamentos e vacinas inovadoras para o tratamento ou prevenção de doenças graves, cuja evidência clínica indica que o medicamento ou vacina pode demonstrar vantagem substancial e clinicamente significativa face às terapêuticas disponíveis, de modo a acelerar o seu desenvolvimento.

Governação Clínica
Editorial | Joana Romeira Torres
Governação Clínica

O Serviço Nacional de Saúde em Portugal foi criado e cresceu numa matriz de gestão napoleónica, baseada numa forte regulamentação, hierarquização e subordinação ao poder executivo, tendo como objeto leis e regulamentos para reger a atividade de serviços públicos no geral, existindo ausência de regulamentação relativa à sua articulação com os serviços sociais e económicos.

Mais lidas