A despesa do Estado com medicamentos vendidos em farmácias aumentou 3,4% em 2018, ano em que os gastos dos utentes com fármacos também subiram, revelam dados do Infarmed divulgados à agência Lusa.

Published in Atualidade

Os portugueses consumiram mais quatro milhões de embalagens de medicamentos em 2018 do que no ano anterior, o que demonstra que a acessibilidade aos fármacos “continua em níveis elevados”, anunciou hoje a autoridade nacional do medicamento (Infarmed).

Published in Atualidade

O cultivo, fabrico e comércio da canábis para fins medicinais só poderá ser feito depois da autorização do Infarmed, devendo ser atualizada todos os anos.

Published in Atualidade
terça-feira, 27 novembro 2018 10:06

Infarmed garante segurança de dispositivos médicos

De acordo com o Infarmed, o número de notificações de incidentes com dispositivos médicos é “extremamente baixo” em Portugal, sendo a utilização dos mesmos considerada segura.

Published in Atualidade

O Infarmed registou um aumento de notificações de reações adversas a medicamentos este ano, 5.385 nos primeiros seis meses. Segundo a diretora de farmacovigilância do Infarmed, Fátima Canedo, o objetivo é alcançar as dez mil até ao final do ano.

Published in Atualidade

A regulamentação da lei do uso da canábis para fins medicinais, desde o cultivo até à dispensa dos medicamentos em farmácia, estará concluída até ao final do ano, garantiu o Infarmed.

Published in Atualidade

A deslocalização do Infarmed para o Porto está dependente da comissão da Assembleia da República que irá acompanhar os processos de descentralização dos serviços públicos.

Published in Atualidade
Pág. 3 de 19
800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde
Editorial | Jornal Médico
800 milhões de euros para o Serviço Nacional de Saúde

Se não os tivéssemos seria bem pior! O reforço do Programa Operacional da Saúde com 800 milhões de euros pode ser entendido como sinal político de valorização do setor da saúde. Será uma viragem na política restritiva? O Serviço Nacional de Saúde (SNS) de 40 anos precisa de cuidados intensivos! Há novos enquadramentos, novas responsabilidades, novas ideias e novas soluções. É urgente pensarmos na nova década com rigor e disponibilidade sincera.

Mais lidas